Your browser version is outdated. We recommend that you update your browser to the latest version.

Projectos

 

Desde a sua fundação, a Agência de Desenvolvimento Económico Local de Sofala tem estado a trabalhar em vários projectos e parceiros, sempre com foco para o desenvolvimento económico local, assegurando o bem da comunidade.

 

Programa Mulheres, Paz e Segurança (Projecto ONU Mulheres).

O projecto Mulheres, Paz e Segurança, que conta com o orçamento global de 33.893.000,00 Meticais, visa beneficiar pelo menos 10.000 mulheres no seu todo, está  a ser implementado pela ADEL-Sofala na província de Sofala nos distritos da Beira, Dondo, Buzi, Machanga, Chibabava, Gorongosa e Vanduzi na província de Manica.

O objectivo geral do projecto é reduzir as desigualidades existentes entre homens e mulheres, garantir que mulheres tenham  acesso a educação, participação na vida pública, acesso a fontes sustentáveis de renda, e sobretudo assegurar o empoderamento socioeconómico das mulheres na sociedade.

que por sua vez também preconiza beneficiar mulheres e raparigas em situação similar.    Este projecto faz parte do programa designado por ʺPromovendo a participação efectiva de mulheres e raparigas na Paz, Segurança e Recuperação em Moçambiqueʺ,  liderado pelo   Ministério de Género, Criança e Acção Social em parceira com a ONU Mulheres com o apoio financeiro do Governo da Islândia e o Governo da Noruega

 

Bristol Link With Beira (Projecto BLB).

ADEL-Sofala tem estado a trabalhar no projecto Bristol Link With Beira, em parceria com o Conselho Municipal da Beiraneste sentido,  os autarcas e oficiais do conselho da Beira têm trocado mensagens e participado em intercâmbios cívicos e exercícios de capacitação. Os prefeitos de ambas as cidades também estão ligados por meio do Parlamento Global de Prefeitos.

A ADEL Sofala contribui para o desenvolvimento económico social e sustentável, ao mesmo tempo que reforça parcerias para garantir a participação e o empenho da comunidade. O BLB tem um Memorando de Entendimento com a ADEL de Sofala que tem sido fundamental na identificação de projetos na Beira para o BLB.

Amai Mussanhane é uma organização de mulheres com base na comunidade que oferece apoio às crianças locais. Eles fornecem educação, treinamento, habilidades de trabalho e apoio geral a famílias vulneráveis.

A Escola Primaria de Matacuane foi patrocinada em várias actividades por escolas da Beira e foi identificada na conferência de doadores após o Ciclone IDAI como uma escola focal para o BLB, todas estas actividades em parceria com a Agência de Desenvolvimento Económico Local de Sofala.

 

Mozambique Recovery Facility "Recuperação dos Meios de Subsistências" (Projecto PNUD)

Através do Projecto Mozambique Recovery Facility, a ADEL-Sofala contribuiu para o empoderamento das famílias afectadas pelo ciclone IDAI nos bairros de reassentamento de Savane, Mutua e no distrito de Chibabava, onde para alem das actividades de plantacoes, assegurou o melhoramento da produção do mel no distrito de Chibabava, construção de celeiros melhorados, viveiros de fruteiras, construção de tanques pisciculas em Savane e Mutua, e treinamentos para pequenos actividades de geração de renda.

 

Ligações financeiras (Projecto GIZ)

Com apoio técnico e financeiro da GIZ, o projecto tem como principais directrizes:  

Aumentar o acesso e o recurso aos serviços financeiros formais, com especial incidência nas zonas rurais e urbanas.

Melhorar a qualidade dos grupos, incentivar as poupanças e créditos.

O projecto, previa ligar até final 2016 mais de 3.500 indivíduos, com as novas ligações, esperamos abranger uma maior percentagem do universo dos quase 300 grupos, na ordem de  90%. Os grupos que vão se beneficiar serviram de ponto de partida em cada uma das áreas de implementação do projecto.

Pelo que as seguintes são abordagens que vão permitir o envolvimento de mais pessoas nas comunidades aos programas de inclusão financeira: Grupos de poupanças / educação financeira nas escolas secundárias e uma plataforma que se encaixe na estrutura anterior dos centros locais de energia e desenvolvimento será promovida obedecendo:

A nível comunitário: continuaremos com os métodos tradicionais de capacitação e formação através de seminários e campanhas de sensibilização

A nível distrital: vamos identificar parceiros com capacidade para agregar a informação recolhida com fichas pelos animadores para agregar numa base de dados dos distritos num computador.

A nível provincial: uma plataforma envolvendo todos os actores será dinamizada para harmonizar os procedimentos, agregar as informações de massa monetária em circulação, para fazer chegar a mesma informação aos bancos e outros actores que se julgar necessário o seu envolvimento na promoção e fortalecimento dos grupos.